Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Estante

Vemo-nos em agosto (2024)

04
Abr24

Cópia de Design sem nome (2).png

Há cerca de um mês, dez anos depois da sua morte, aos 87 anos, foi editado um novo e derradeiro livro de Gabriel García Márquez. Vemo-nos em agosto foi escrito quando o autor colombiano já apresentava sinais de demência e como nos é explicado no início do volume da D. Quixote, o livro não era considerado pelo escritor como estando â altura da sua obra. Mas um livro menos bom de Gabo é sempre melhor do que muitos que por aí andam.

Uma mulher casada há quase 30 anos regressa todos os anos, a 16 de agosto, a uma ilha onde a mãe está sepultada. Fica no mesmo hotel, modesto e leva sempre as mesmas flores, gladíolos. Com o passar dos anos, a sua “fuga” anual, que faz questão de ser solitária, serve como forma de fugir da sua realidade de conhecer um novo amante. Uma pequena delícia.